Bíblia Sagrada

TITO, capítulo 1


Paulo, servo de Deus, e apostolo de Jesus Cristo, segundo a fe dos eleitos de Deus, e o pleno conhecimento da verdade que e segundo a piedade, (1)
na esperanca da vida eterna, a qual Deus, que nao pode mentir, prometeu antes dos tempos eternos, (2)
e no tempo proprio manifestou a sua palavra, mediante a pregacao que me foi confiada segundo o mandamento de Deus, nosso Salvador; (3)
a Tito, meu verdadeiro filho segundo a fe que nos e comum, graca e paz da parte de Deus Pai, e de Cristo Jesus, nosso Salvador. (4)
Por esta causa te deixei em Creta, para que pusesses em boa ordem o que ainda nao o esta, e que em cada cidade estabelecesses anciaos, como ja te mandei; (5)
alguem que seja irrepreensivel, marido de uma so mulher, tendo filhos crentes que nao sejam acusados de dissolucao, nem sejam desobedientes. (6)
Pois e necessario que o bispo seja irrepreensivel, como despenseiro de Deus, nao soberbo, nem irascivel, nem dado ao vinho, nem espancador, nem cobicoso de torpe ganancia; (7)
mas hospitaleiro, amigo do bem, sobrio, justo, piedoso, temperante; (8)
retendo firme a palavra fiel, que e conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para exortar na sa doutrina como para convencer os contradizentes. (9)
Porque ha muitos insubordinados, faladores vaos, e enganadores, especialmente os da circuncisao, (10)
aos quais e preciso tapar a boca; porque transtornam casas inteiras ensinando o que nao convem, por torpe ganancia. (11)
Um dentre eles, seu proprio profeta, disse: Os cretenses sao sempre mentirosos, bestas ruins, glutoes preguicosos. (12)
Este testemunho e verdadeiro. Portanto repreende-os severamente, para que sejam sao na fe, (13)
nao dando ouvidos a fabulas judaicas, nem a mandamentos de homens que se desviam da verdade. (14)
Tudo e puro para os que sao puros, mas para os corrompidos e incredulos nada e puro; antes tanto a sua mente como a sua consciencia estao contaminadas. (15)
Afirmam que conhecem a Deus, mas pelas suas obras o negam, sendo abominaveis, e desobedientes, e reprobos para toda boa obra. (16)