Bíblia Sagrada

AMOS, capítulo 1


As palavras de Amos, que estava entre os pastores de Tecoa, o que ele viu a respeito de Israel, nos dias de Uzias, rei de Juda, e nos dias de Jeroboao, filho de Joas, rei de Israel, dois anos antes do terremoto. (1)
Disse ele: O Senhor brama de Siao, e de Jerusalem faz ouvir a sua voz; os prados dos pastores lamentam, seca-se o cume do Carmelo. (2)
Assim diz o senhor: Por tres transgressoes de Damasco, sim, por quatro, nao retirarei o castigo; porque trilharam a Gileade com trilhos de ferro. (3)
Por isso porei fogo a casa de Hazael, e ele consumira os palacios de Bene-Hadade. (4)
Quebrarei o ferrolho de Damasco, e exterminarei o morador do vale de avem e de Bete-Eden aquele que tem o cetro; e o povo da Siria sera levado em cativeiro a Quir, diz o Senhor. (5)
Assim diz o Senhor: Por tres transgressoes de Gaza, sim, por quatro, nao retirarei o castigo; porque levaram cativo todo o povo para o entregarem a Edom. (6)
Por isso porei fogo ao muro de Gaza, e ele consumira os seus palacios. (7)
De Asdode exterminarei o morador, e de Asquelom aquele que tem o cetro; tornarei a minha mao contra Ecrom; e o resto dos filisteus perecera, diz o Senhor Deus. (8)
Assim diz o Senhor: Por tres transgressoes de Tiro, sim, por quatro, nao retirarei o castigo; porque entregaram todos os cativos a Edom, e nao se lembraram da alianca dos irmaos. (9)
por isso porei fogo ao muro de Tiro, e ele consumira os seus palacios. (10)
Assim diz o Senhor: Por tres transgressoes de Edom, sim, por quatro, nao retirarei o castigo; porque perseguiu a seu irmao a espada, e baniu toda a compaixao; e a sua ira despedacou eternamente, e conservou a sua indignacao para sempre. (11)
Por isso porei fogo a Tema, o qual consumira os palacios de Bozra. (12)
Assim diz o Senhor: Por tres transgressoes dos filhos de Amom, sim por quatro, nao retirarei o castigo; porque fenderam o ventre as gravidas de Gileade, para dilatarem os seus termos. (13)
Por isso porei fogo ao muro de Raba, fogo que lhe consumira os palacios, com alarido no dia da batalha, com tempestade no dia do turbilhao. (14)
E o seu rei ira para o cativeiro, ele e os seus principes juntamente, diz o Senhor. (15)